Presidente da NJBIA testemunha sobre novo imposto corporativo em Nova Jersey

03-07-2024

    A presidente e CEO da NJBIA, Michele Siekerka, apresentou um testemunho contundente ao Comitê de Orçamento da Assembleia na noite de quarta-feira sobre o projeto de lei A-4704/S-3513. Este projeto propõe um Imposto Corporativo de Trânsito de 2,5% sobre empresas de Nova Jersey com renda líquida de $10 milhões, retroativo a 1º de janeiro de 2024, apesar da decisão anterior do governador Phil Murphy de encerrar um sobretaxa corporativa de 2,5%. A medida resultará na maior taxa de imposto corporativo do país, atingindo 11,5%, mesmo com estados vizinhos reduzindo seus impostos corporativos e sem uma destinação constitucional para seu uso pretendido no financiamento da NJ TRANSIT.

    Impacto na Competitividade e Crescimento Econômico

    Siekerka questionou a eficácia desta política fiscal, perguntando se um aumento de 20% nos impostos sobre os maiores criadores de empregos de Nova Jersey tornaria o estado mais competitivo ou promoveria a criação de empregos e o crescimento econômico. A resposta, segundo ela, é um retumbante “não”. Ela destacou que a NJBIA discutiu isso com o comitê nos últimos cinco meses, apresentando dados e histórias diretamente dos executivos das empresas, demonstrando que aumentar o imposto corporativo é uma política terrível e um desrespeito flagrante às necessidades declaradas dos maiores criadores de empregos do estado.

    Ela também mencionou que Nova Jersey tinha 14 empresas Fortune 500 em 2023, em comparação com 22 em 2018, e que estados que reduziram seus impostos corporativos tiveram melhores resultados econômicos devido ao estímulo do reinvestimento desse dinheiro na economia estadual. As histórias contadas por empresas impactadas também foram ignoradas, mesmo que essas empresas possam considerar deixar o estado quando seus contratos de arrendamento expirarem.

    Consequências para a Economia Local

    Siekerka alertou que o impacto do imposto se estenderá à cadeia de suprimentos, força de trabalho e ao custo dos produtos e serviços fornecidos por essas empresas. Ela explicou que aumentar as despesas leva inevitavelmente a aumentos de receita ou cortes em outros lugares, como investimentos em instalações e força de trabalho ou aumento dos preços dos produtos e serviços.

    A retroatividade do imposto é outro ponto crítico. Isso forçará as empresas a revisitar orçamentos já estabelecidos e dinheiro já comprometido para encontrar os 2,5% a serem pagos ao estado. Isso pode levar à reavaliação das demonstrações financeiras, algo que Wall Street desaprova, afetando as ações dessas empresas, nas quais muitas famílias, negócios e programas estaduais de Nova Jersey estão investidos.

    Além disso, Siekerka destacou que os $1 bilhão arrecadados ficarão em superávit por um ano, dinheiro que poderia ter sido reinvestido diretamente na economia de Nova Jersey, proporcionando um retorno ainda maior para o orçamento do próximo ano. Ela lamentou a oportunidade perdida e questionou por que o comitê não optou por uma abordagem mais abrangente para abordar os gastos do estado.

    Ela concluiu expressando esperança de que no próximo ano não haja outra promessa quebrada e que o dinheiro arrecadado seja realmente utilizado para o NJ TRANSIT. Siekerka enfatizou que promessas quebradas e a incapacidade de confiar na palavra dos formuladores de políticas enviam uma mensagem terrível para qualquer empresa considerando permanecer, crescer ou investir em Nova Jersey.

    .

    Qual é a opinião de Michele Siekerka sobre o novo imposto de 2.5% proposto no projeto de lei A-4704/S-3513?

    Michele Siekerka expressou preocupação com o novo imposto de 2,5% proposto no projeto de lei A-4704/S-3513, argumentando que pode prejudicar a competitividade das empresas locais e desencorajar novos investimentos no estado. Ela defende uma abordagem mais equilibrada para garantir crescimento econômico sustentável.

    Pode a nova taxa de trânsito corporativo impactar negativamente as empresas de Nova Jersey?

    Send a request and get a free consultation:
    Thanks for the apply!
    We will get back to you within 1 business day
    In the meantime, you can get a free consultation from our AI assistant:​